fbpx

Como expandir o seu vocabulário em inglês

 

Será que se eu memorizasse todas as palavras do dicionário de inglês eu me tornaria fluente?

Me conta, em algum momento da sua jornada de aprendiz você já se pegou com esse questionamento? Independente da sua resposta, como isso te soa hoje? Te soa absurdo? Se a resposta for sim, então você está correto, porque é uma afirmação realmente absurda.

 

Mas se o dicionário tem (quase) todas as palavras do idioma, por que não se ganha fluência se, hipoteticamente, você memorizar todas elas?

Porque falar fluentemente, dominar um idioma não é simplesmente um jogo da memória. Além de um vocabulário extenso, você precisa dominar todas as nuances do idioma, registros de formalidade ou informalidade, gírias, estruturas gramaticais entre muitas outras coisas. Isso para não falar na parte da compreensão auditiva, que é um trabalho à parte.

 

Então quer dizer que expandir meu vocabulário não adianta nada?

De forma alguma. Veja logo acima que, entre tantas habilidades que se deve dominar para ganhar fluência no idioma, eu citei o vocabulário extenso. Expandir o seu vocabulário é essencial para o domínio do idioma, mas não é a única habilidade que você deve ter. Ainda assim, ela não pode ser deixada de lado, afinal, você precisa dela para se comunicar adequadamente em inglês ou em qualquer outro idioma.

 

Mas como eu faço pra expandir meu vocabulário sem memorizar o dicionário de A a Z?

Segue aqui comigo que vou te ajudar, então. Mas antes me diga uma coisa: quanto é 7×8? Se você respondeu 56, você acertou. Mas quanto tempo você levou pra chegar à resposta? Poucos segundos? Foi instantâneo? Ou você precisou fazer algumas poucas contas antes de chegar na resposta?

Apesar de existirem algumas estratégias que facilitam lembrar as possibilidades da tabuada, a maioria das pessoas aprendeu essas multiplicações simples por meio da memorização. E memorizar funciona? Com certeza. Mas é o melhor caminho? Depende da pessoa, por isso, quero deixar abaixo algumas estratégias para que você possa expandir o seu vocabulário sem tornar o aprendizado de novas palavras uma mera memorização matemática, como aprendemos com a tabuada na escola.

 

 

TEM QUE FAZER SENTIDO PRA VOCÊ

A primeira coisa que você precisa é buscar aprender novas palavras que fazem sentido pra você, que façam parte do seu dia-a-dia, da sua rotina, do seu trabalho ou dos seus gostos pessoais. Se você, por exemplo, é um engenheiro mecânico ou um contador, eu não recomendo que você comece a expandir o seu vocabulário procurando os nomes das partes internas de uma guitarra em inglês. É claro que pode ser interessante aprender as partes da guitarra, mas a não ser que você seja também um guitarrista, é muito provável que você esqueça essas palavras rapidamente, já que para que você aumente as chances de lembras as palavras novas que aprende você…

 

TEM QUE USAR

Aprender a grafia, significado e pronúncia de uma palavra nova é apenas a primeira etapa. Para você se lembrar do que aprendeu, você precisa se organizar e tentar usar essa palavra o máximo possível. Algumas estratégias que você pode experimentar para usar as palavras novas que aprendeu são:

  • incorporá-las às suas interações no idioma-alvo, na vida pessoal ou no trabalho;
  • buscar essa palavra em textos, reportagens, letras de música ou mesmo em cenas de filmes ou séries;
  • montar frases com essa palavra;
  • buscar em um dicionário ou mesmo no Google exemplos prontos que usam a palavra nova

É claro que nem sempre você vai ter a oportunidade de fazer tudo isso, afinal, isso leva tempo e nem sempre você poderá fazer isso na hora. Por isso, uma ferramenta simples e que pode te ajudar muito nessa jornada é…

 

TER UM GLOSSÁRIO PESSOAL

Por definição, um glossário é um conjunto de termos de uma área do conhecimento e seus significados. Ou seja, um grande banco de palavras em inglês, no nosso caso. E esse glossário não precisa ser nada muito formal, muito pelo contrário, ele tem que ser prático e acessível. Por exemplo, se você não gosta de mexer com computador, não adianta você criá-lo em um arquivo nele. Ou se você for como eu, que raramente usa papel, não adianta ter um caderno para isso.

Pense em como você pode ter sempre a mão um espaço para anotar as palavras novas que aprende e seus significados. Você pode:

  • comprar um caderno específico para isso;
  • usar um app como o Quizlet;
  • deixar um bloco de notas na área de trabalho do seu celular ou computador;
  • ter um bloquinho pequeno e um lápis/caneta no seu bolso ou na sua mesa de trabalho

Não importa a ferramenta, desde que ela esteja sempre à sua mão, tanto para novas anotações quanto para consultas. Assim, você poderá facilmente usar a minha estratégia favorita para expansão de vocabulário que eu chamo de…

 

3 PALAVRAS POR DIA

Façamos uma conta rápida: 3 palavras por dia multiplicadas por 365 dias resultam em 1.095 palavras novas em 1 ano. Isso quer dizer que se você aprender 3 palavras novas por dia você aprenderá mais de 1.000 palavras novas por ano? Claro que não!

Lembre-se que para você de fato aprender uma palavra nova você precisa ter um certo trabalho com ela para internalização, e dificilmente você conseguirá fazer isso com 3 palavras por dia, todos os dias. Mas se você conseguir internalizar, chutando baixo, 20% das palavras novas que você aprendeu durante 1 ano, você terá adicionado 219 palavras novas ao seu vocabulário. É um número considerável, não é?

 

Mas quais palavras você deve buscar? Simples: olhe ao seu redor.

 

Lembra da primeira dica onde falo que o vocabulário deve fazer sentido pra você? Basta você olhar ao seu redor. Eu tenho certeza que neste momento você tem ao seu redor 3 palavras novas que você não sabe em inglês, independente do seu nível. Eu estudo inglês há 29 anos e tenho 19 anos de experiência como professor, e neste exato momento em que escrevo este texto, tenho 3 palavras olhando ao meu redor aqui que sei em português e não sei em inglês. Tenho certeza que você também encontrará algumas facilmente.

Pode ser um parafuso, um estojo, uma tomada, um trinco de janela, enfim… tudo que faz parte da sua rotina é válido. Comece com palavras simples mesmo, que podem parecer até um pouco tolas no primeiro momento, mas que certamente serão úteis no futuro. E, aos poucos, vá se desafiando com palavras mais complexas.

Você não precisa ir longe para expandir o seu vocabulário, basta olhar ao seu redor e aprender 3 palavras novas por dia, todos os dias. Será que você consegue?

Proponho a você, leitor, esse desafio por 30 dias. Será que você consegue aprender 90 palavras novas e tentar internalizar pelo menos 20% delas (18 palavras)? Me conta no bruno@companhiadeidiomas.com.br

 

Até a próxima!

 

[simple-author-box]

Posso ajudar?