Artigos de Gestão

Artigos de Gestão

09
DEZ
15

Competências comportamentais em processos seletivos



 


 


As empresas estão ainda mais exigentes em seus processos seletivos, pois, como há muitos candidatos por vaga por conta da situação do país, os recrutadores estão em busca de diferenciais no comportamento. Qualquer um pode fazer bons cursos, mas aliar as competências técnicas às comportamentais, ah, isso já é bem mais difícil!

Veja quais habilidades são seus pontos fortes e quais você precisa trabalhar:

Comunicação: desenvoltura, coerência entre o discurso e a ação, objetividade, capacidade de transmitir ideias, bom português, capacidade de escutar;

Negociação: capacidade de persuasão, foco em resultados, respeito às pessoas, administração de conflitos;

Liderança: capacidade de envolver e motivar as pessoas, carisma, tomada de decisão, capacidade de detectar e desenvolver potenciais da equipe, assertividade;

Ética: transparência, confiabilidade;

Energia: iniciativa, veste a camisa, entusiasmo e vibração, brilho nos olhos;

Equilíbrio emocional: capacidade de trabalhar sob pressão, resistência à frustração, maturidade;

Flexibilidade: capacidade de se adaptar às mudanças e rever pontos de vista, abertura para feedback e ideias diferentes;

Criatividade: capacidade de resolver problemas, intuição, capacidade de inovação.

Se você não sabe como você está nessas competências, pergunte para amigos e familiares. Peça feedback honesto para pessoas diferentes. Nós não somos perfeitos e não seremos, mas isso não quer dizer que tenhamos de nos conformar com eventuais limitações. Precisamos buscar a evolução contínua. Fato!

Para finalizar, quero ressaltar que é muito comum ver candidatos extremamente ansiosos, querendo mostrar que são a melhor escolha para a vaga. Com isso, acabam cometendo erros cruciais: falam demais, contam muitos casos, interrompem outros candidatos, não escutam. Também querem mostrar liderança e passam por cima do trabalho em equipe nas dinâmicas. Portanto, muito cuidado ao mostrar seu potencial em processos seletivos



 Ligia Crispino é fundadora e sócia-diretora da Companhia de Idiomas e do ProfCerto. Formada em Letras e Tradução/Interpretação pela Unibero, possui cursos em Marketing de Serviços pela FGV; Gestão de Pessoas pelo Ibmec; Branding e Inteligência Competitiva, ambos pela ESPM; Business English em Boston. É analista quântica e dá palestras sobre comunicação, ensino, gestão de negócios e pessoas. Ligia escreve mensalmente para o VAGAS Profissões